quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Baby shower

No dia 9 de Novembro tive o prazer de estar presente no chá de bebé da minha querida madrinha e grande amiga Cristina. O único pedido foi o bolo de oreo, que tinha feito anteriormente e ela tinha adorado..
E assim foi.. O bolo foi o pedido, mas com uma pequena alteração.. E o primeiro trabalho "a solo" .. O resultado foi o que vem a seguir. E fez sucesso.

Deu-me um gostinho especial fazê-lo, espero que gostem :)






terça-feira, 22 de outubro de 2013

Limãozinho

Este fim-de-semana fiz mais uma experiência. Tarte grega de limão. Não sei se há algum pormenor grego na receita, mas basicamente acho que é o que se costuma chamar tarte merengada de limão. Fiz para levar para casa da minha comadre e segundo constou estava muito boa. Eu pelo menos gostei (porque adoro cenas com limão), mas como suspeito não costumo pronunciar-me muito para não influenciar :)



Visualmente estava ainda mais gira. 

Tive um problema. No creme de limão, juntar a maizena às gemas, ganhou grumos. Quando juntei à mistura de leite quente ficou rijo rijo e não lhe conseguia dar a volta.. Resolvi colocar no liquidificador depois de lhe juntar a parte do merengue necessária para tirar aqueles grumos todos. Ficou excelente. Não há dúvida, posso afirmar agora!

A repetir!

Receita (daqui):
Ingredientes:

Para a massa quebrada:

220 gr farinha

110 gr manteiga

1 pitada de sal

50 gr açúcar em pó

1 gema de ovo



Para o creme de limão:

2,5 dl leite

30 gr açúcar

3 gemas de ovo

30 gr maizena

sumo de 1 limão e raspa de 2
Para o merengue:
5 claras ovo
150 gr açúcar
100 gr açúcar em pó
Preparação:

Coloque a farinha numa tigela e faça uma cova no meio. Deite aí a manteiga em pedacinhos, o açúcar, a gema e o sal. Prepare a massa quebrada amassando bem. Com a massa, forme uma bolam envolva-a em folha de alumínio e deixe-a repousar durante 1 hora no frigorífico.

Com o rolo, tenda a massa e forre a forma. Pressione-a contra as bordas da forma e corte a massa que sobrar. Coloque papel vegetal na forma e cubra-a de leguminosas secas. Leve-a ao forno previamente aquecido (190ºC) durante 10 min. Retire o papel e as leguminosas e  deixe a massa cozer mais 10 min.

Para preparar o creme, ferva o leite com o açúcar. Bata as gemas de ovo com a maisena, adicione 1 a 2 colh do leite quente, mexa bem e ligue esta mistura com o leite, continuando sempre a mexer com a vara de arames. Deixe que o leite ferva bastante tempo. De seguida, junte o sumo e a raspa da casca de limão.

Entretanto bata as claras em castelo. Pouco a pouco, vá adicionando o açúcar, continuando sempre a bater as claras, até obter um creme consistente. Com uma espátula de madeira, misture o açúcar em pó previamente peneirado. Junte metade das claras em castelo ao creme de limão, continuando sempre a bater com a vara de arames. Deixe que todo este preparado ferva de novo.

Deite o creme de limão quente sobre a base de massa quebrada. Alise bem a superfície. Barre o resto das claras em castelo sobre a tarte. Com uma faca grande, faça pequenas ondulações na superfície da tarte. Leve-a ao forno previamente aquecido. Coloque a tarte debaixo da grelha até que as claras em castelo fiquem ligeiramente tostadas.
Boa semana a todos :)

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Redenção

No post anterior foi uma infelicidade.. Custou-me tanto estragar ingredientes e não conseguir fazer nada de jeito que nem vos passa pela cabeça. Como tal, ontem foi dia de me redimir. E isso significa, não um, mas dois "doces".

A "Banoffee pie" é uma tarte com mistura de banana com toffee. E como eu adoro banana parecia-me uma boa mistura. O aspeto da foto não é o melhor porque fiz numa forma de bolo daquelas de aro amovível mas a bolacha não cobria as laterais (tinha um diâmetro muito grande) e não a desenformei, por isso serve-se à colher :)


Os enrolados de canela já tinha feito uma vez e tinha adorado. Só não me lembrava que tomavam tanto tempo (não a fazer concretamente, mas com as "levedações") e isso chateia-me um bocadinho.

Receitas
Ingredientes:
200g de bolachas tipo digestivas (crackers, bolachas de aveia, etc)

100g de manteiga sem sal
300-400 ml de natas frescas (ou comuns)
2 colheres de sopa (rasas) de açúcar
1 lata de leite condensado cozido
2 bananas grandes maduras, mas não muito
Pepitas ou pedacinhos de chocolate amargo/meio-amargo q.b.
Forma com fundo removível de 26 cm de diâmetro

Preparação: Caso não tenha leite condensado cozido pode optar por usar leite condensado comum e coze-lo em casa desta seguinte forma: coloque a lata de leite condensado na panela de pressão e cubra com água. Acenda o lume, deixe a água da panela ferver e quando o chiado da pressão começar, aguarde 35 a 40 minutos. Depois desse tempo desligue o lume e deixe a panela arrefecer. Só então pode abrir a panela, deixando a lata arrefecer. Quando estiver fria, abra a lata e pode usar. (Não tente abrir a lata ainda quente pois irá queimar-se).
Se não usar natas frescas coloque-as no congelador 15 minutos antes de usar para que fiquem bem firmes.
Coloque as bolachas na picadora e triture-as até obter uma farinha.
Corte a manteiga em pedaços e junte à farinha de bolachas.
Molde a massa com as pontas dos dedos até que a manteiga incorpore toda a farinha e se apresente como uma massa homogénea.
Forre uma forma de fundo removível (de 26 cm de diâmetro) com a massa e pressione bem com os dedos para formar o fundo da massa. Alise bem a superfície com uma colher de sopa. Pode ainda colocar numa travessa redonda de servir em vidro ou cerâmica (eu usei a travessa de vidro).
Leve a massa ao forno a 180ºC por, aproximadamente, 15 minutos. Retire do forno.
Coloque todo o leite condensado cozido sobre a massa, espalhando-o bem com uma colher. Por cima deste coloque as rodelas de banana.
Bata as natas com o açúcar até ficarem firmes e volumosas (Muito cuidado para não passar de chantilly a manteiga caso use as natas frescas).
Pode colocar as natas directamente sobre a banana ou usar um saco de pasteleiro e dar largas à sua imaginação.
Polvilhe com pepitas ou pedacinhos de chocolate amargo/meio-amargo.
Coloque a tarte no frigorífico e reserve-a lá até servir. 


Ingredientes para cerca de 9 unidades:
Para a massa:
125 ml de leite morno
1 saqueta de fermento granulado (usei Vahiné)
 2 colheres de sopa de açúcar
1 ovo batido
2 chávenas ( chávena usada com 230ml de capacidade) de farinha sem fermento
60g  de manteiga
Leite ou gema para pincelar

Recheio:
60g de manteiga
60g de açúcar
2 colheres de chá de canela

Cobertura:
50ml de leite
2 colheres de sopa de açúcar
1 colher de chá de canela

Preparação:
Comece por preparar a massa. No robot de cozinha com a pá de plástico, ou na batedeira com a opção de gancho, misture a farinha com o fermento. Adicione depois a manteiga, o leite morno, o açúcar e o ovo. Bata tudo na máquina durante alguns minutois até a massa formar uma bola. Poderá ser necessário juntar um pouco mais de farinha ou de líquido. No meu caso tive de juntar um pouco mais de farinha até o robot de cozinha formar uma bola macia e elástica.
Transfira para uma tigela e tape com papel aderente. Coloque num local quente (eu costumo colocar dentro do microondas sem o ligar) e deixe levedar durante 40 minutos.
Aqueça depois o forno a 180ºC. Forre um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal.
Ponha a massa na banca da cozinha previamente polvilhada com farinha e estenda a massa de modo a formar um rectangulo. Faça o recheio misturando a manteiga derretida com o açúcar e a canela. Espalhe depois toda a mistura sobre a superfície da massa e enrole-a depois como se fosse uma torta, começando pela parte mais comprida. Corte depois em 9 fatias do mesmo tamanho.
Disponha depois as fatias lado a lado com a parte cortada virada para cima. Pincele com leite ou gema por cima dos enrolados e deixe levedar mais 30 minutos longe das correntes de ar.
Leve ao forno por 30 minutos ou até estarem dourados.
Entretanto prepare a cobertura levando o leite a aquecer com o açúcar e a canela até começar a ferver. Deixe arrefecer e assim que retirar os enrolados do forno pincele-os com a cobertura.
Sirva quentes ou, se os quiser preparar com antecedência como eu fiz, aqueça cada um dos enrolados cerca de 20 segundos no microondas antes de servir.

E é isto!


Beijinhos e bons cozinhados

domingo, 13 de outubro de 2013

Fds furado

Este fds foi de experiências. Mas infelizmente, furadas.. 

Fiz a minha primeira receita (Cupcakes de cerelac) e não sei se por algum erro meu ou por incompatibilidade com o forno, saiu mal. Apesar disso, o sabor estava bom. E o meu fã de Cupcakes aprovou o sabor. Será uma receita a repetir mas com algumas diferenças. 

Hoje resolvi acabar com a pouca margarina que havia em casa.. E acabei com ela na sanita. Ia fazer bolo de bolacha, creme de manteiga igual a margarina + açúcar. Juntar à margarina fria uma chávena de café quente...

Bom. Desisto. Porque sem margarina não se faz quase nada e estou sem vontade de estragar mais coisas. 

Uma boa semana para todos.

Que corra melhor que a minha culinária :P

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Bolo de café e Serradura

Ora cá estou eu..
Boa noite!
Hoje vim do trabalho com uma vontade enorme de me enfiar na cozinha a fazer qualquer coisa.. Esta divisão da casa, quando cheia de cheirinhos a bolos e com utensílios espalhados pela bancada e mesa, traz me uma calma impressionante. Mesmo depois de um dia de trabalho, num dia de semana. Tinha um "pedido" de serradura e tinha planeado uns enroladinhos.. Mas como faltava um ingrediente mudei de ideias. 
E assim saiu isto:


A receita deste bolo de café foi mais uma vez retirada do blog "As minhas receitas", da Joana Roque. Só não utilizei as amêndoas porque não tinha. Aqui fica:

Ingredientes:
5 ovos
100ml de óleo vegetal
250g de açúcar
275g de farinha
1 colher de chá de fermento em pó
1 colher de sopa de café solúvel desfeito numa colher de sopa de água (usei mokambo de cereais e café)
1 ovo
125g de manteiga à temperatura ambiente
100g de açúcar em pó
1 colher de chá de café solúvel 
50g de amêndoa em falhas

Preparação:
Numa taça junte a farinha com o açúcar e o fermento. Junte depois o café desfeito na água, os ovos inteiros e o óleo e misture bem. Até a massa estar lisa e sem grumos.
Coloque depois esta mistura numa forma redonda sem buraco previamente untada e polvilhada. Leve a forno quente (180ºC) durante cerca de 40 minutos ou até o bolo estar cozido.
Entretanto prepare o creme: bata a manteiga com o açúcar em pó. Junte o café solúvel e o ovo e misture vem. Leve ao frigorífico até usar.
Numa frigideira anti-aderente torre as amêndoas até ficarem douradas. Deixe arrefecer.
Quando o bolo estiver cozido desenforme e deixe arrefecer. Corte-o depois ao meio de modo a ficar com dois discos da mesma espessura.
Coloque o bolo no prato de servir e recheie-o com metade do creme de café, usando o restante creme para cobrir o bolo. 
Decore com as amêndoas torradas.

E como fiz a serradura (cuja receita retirei de uma aplicação da Nestlé para o iPhone), aqui fica:

Ingredientes:
2 pacotes de nata (bem frios para bater bem)
1 lata de leite condensado (costumo usar magro para não ficar tão doce)
1 pacote de bolacha maria

Preparação:
Bater bem os dois pacotes de natas na batedeira. Quando estiverem bem firmes juntar o leite condensado. Reservar. A parte picar a bolacha até ficar bem desfeita. Juntar as natas e ao leite condensado. Servir bem fresco.



Fácil fácil, não?! 

Beijinhos :)

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Está dado início à minha compilação de receitas. Hoje em dia, além dos imensos livros que tenho lá por casa, aos quais recorro com alguma frequência, confesso que a internet é a minha maior base para procurar algumas ideias para fazer algo na cozinha.

Seja no blog da Joana seja na mais recente descoberta, da Xana, é aqui que encontro algumas das deliciosas receitas que já fiz ou que tenho como objetivo fazer e como tal, tenho vindo a reunir.
Vai ser uma obra inacabada, com referência a todos os sites de onde foram tiradas (exceto aquelas que me esqueci de apontar e agora não consigo perceber onde fui buscar).

Deixo-vos ainda por hoje uma das últimas aventuras, um bolo e cupcakes de oreo. Fiz para o meu aniversário, para levar para o trabalho, o bolinho e os cupcakes como complemento e especialmente para o mano mais novo que passa a vida a dizer que nunca mais lhe fiz cupcakes (e ele ADORA!)
Usei quantidades equivalentes para fazer um pouco mais de massa e cobertura e usei as mesmas quer para o bolo quer para os cupcakes. À exceção de que nos cupcakes pus uma bolacha no fundo. O bolo fiz duas camadas, que depois recheei e cobri :)

 


Receita (adaptada daqui):

Cupcakes de oreo
Serve 15
Preparação 25 minutes
Cozedura 20 minutes

Cupcakes
225g farinha
75g cacau
280g açúcar refinado (usei açúcar em pó)
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de fermento em pó
1/2 colher de chá de sal
2 ovos
60ml óleo vegetal
1 colher de chá de extrato de baunilha
180ml leite
180ml água quente
15 Oreos

Cobertura
400g açúcar em pó
100g manteiga (amolecida)
1 colher de chá de extrato de baunilha
4 colher de sopa de leite
6 colheres de sopa de migalhas de oreos
Mini Oreo's to decorate

Preparação
Pré-aqueça o forno a 180º C. Coloque o tabuleiro de cupcakes no forno com uma forminha de papel em cada um, colocando uma bolacha no fundo de cada uma.
Numa tigela grande coloque a farinha, o cacau, o açucar, o bicarbonado de sódio, o fermento e o sal. Misture com uma colher de pau até todos os ingredientes estarem bem misturados e com uma consistencia arenosa.
Junte os ovos, o óleo vegetal, o extrato de baunilha, o leite e a água aos ingredientes secos e bata com a batedeira até estarem todos incorporados. A mistura deverá ser bastante líquida. Deite a mistura num jarro e despeje em cada uma das forminhas até estarem 3/4 cheias.
Coloque no forno durante 18-20 minutes. Quando estiverem prontos, o palito deverá sair seco.
Deixe arrefecer no tabuleiro durante 5 minutos e transfira para uma grelha para arrefecer completamente
Para fazer a cobertura primeiro desfaça as oreos na 1,2,3 até ficarem em migalhas finas.
Coloque a manteiga numa taça grande e junte o açúcar. Misture com uma colher até estarem bem misturados e sem grumos. Junte 2 colheres de leite e misture com uma espátula. Depois misture mais 2c olheres de leite e misture com a batedeira. Bata durante 5 minutos em velocidade elevada até ficar leve e fofo.
Junte as migalhas à cobertura e misture com uma colher de pau
Use um saco de pasteleiro ou espalhe com uma faca a cobertura sobre os cupcakes e coloque em cada um uma mini-oreo para decorar.

Bom apetite :D

domingo, 29 de setembro de 2013

Bolo de natas

Ora, hoje a experiência veio de um blog ao qual vou buscar muitas ideias e receitas que adoro!
Muito simples de fazer foi este bolo de natas. Como não abundava muita opção para fazer um bolinho, optei por este! E ficou.. Nham nham!


Receita:
Ingredientes:
250g de açúcar
200ml de natas
2 colheres de chá de essência de baunilha
3 ovos grandes
150g de farinha
1 colher de chá de fermento em pó


Preparação:
Numa taça misture todos os ingredientes até ficar com uma mistura homogénea. Coloque depois numa forma com buraco ou retangular, previamente untada e polvilhada com farinha e leve ao forno previamente aquecido a 180ºC.
Deixe cozinhar cerca de 30 minutos ou até o bolo estar pronto – veja com um palito – para que não fique seco.
Retire e deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.

O Regresso

Se há alguns anos (até 2009) este blog foi criado para partilhar alguns pensamentos de uma miúda que sabia pouco da vida, agora será utilizado para partilhar alguns dos seus gostos, peripécias, o que vier à ideia.

A ideia de o renovar surge num Domingo de chuva, em casa, depois de confeccionar um bolo (uma das suas paixões, a cozinha, mais propriamente os bolos, sobremesas, tudo o que é doce.. E alguns salgados também, vá!). O primeiro objetivo é então partilhar alguns momentos da cozinha. O resto, logo se vê.

Divirtam-se!



quarta-feira, 23 de setembro de 2009

quarta-feira, 19 de agosto de 2009